A visualizar 1 artigo (de um total de 1)

Home Forum APK Killifilia Outros Assuntos – Killifilia Nome cientifico – como escrever corretamente

  • Autor
    Artigos
  • #292465
    Luís Oliveira
    Luis Oliveira
    Administrador
    • ★★★★

    Olá a todos,

    Tenho notado que, em relação ao modo correto de escrever o nome científico dos nossos killies, existem entre nós algumas dúvidas.

    Não sendo um perito no assunto procurei consolidar alguma informação que já possuía, nomeadamente consultando o Código Internacional de Nomenclatura Zoológica.

    Assim, poderemos definir a taxonomia como uma área da biologia que procura organizar de uma forma hierarquizada grupos de organismos com base em características comuns.
    Esta hierarquização começa no Domínio e acaba na Subespécie.

    A nós, que vemos na killifilia um hobby, interessa-nos saber escrever corretamente a identificação do nosso killie, partido do Género.

    Exemplo:
    Aphyosemion (Kathetys) bualanum “Makenene” CLL 03/12

    Aphyosemion – Indica o Género (deve ser escrito com a primeira letra em maiúscula e em itálico)
    (Kathetys) – Indica o Subgénero (deve ser escrito com a primeira letra em maiúscula, em itálico e ficar entre parêntesis)
    bualanum – Indica a espécie (deve ser escrito com a primeira letra em minúscula e em itálico)
    Caso exista uma subespécie esta deverá ser escrita a seguir à denominação da espécie e também em itálico e em minúsculas.

    Em killifilia usa-se também para uma maior identificação da origem da espécie:
    “Makenene” – Localidade perto de onde foi coletada a espécie ou uma referência indicadora desse local. Neste exemplo, “Makenene” é uma vila a cerca 175 Km de Yaoudé, nos Camarões.
    CLL 03/12 – Código de coleta, em que normalmente se usa as iniciais identificadoras do país e também as dos coletores, seguido do ano da coleta e um número identificador da localização por sequência dos pontos de pesca na viagem.

    Neste exemplo CLL, o “C” indica que foram coletados nos Camarões, “LL” indica que os coletores foram Patrice Lambert e Cristine Piroux (ex) Lambert, em 2003, no décimo segundo local de pesca dessa viagem de coleta.

    Por vezes, também se usa as abreviaturas sp., aff,, cf. em que:
    sp. ou spp. (abreviatura de espécie ou espécies) – o nome do género é seguido de sp. quando a espécie ainda não foi identificada. É escrito em letra normal, em minúsculas e com um ponto indicador de abreviatura.
    aff. (abreviatura de affinis) – significa que é uma espécie afim, próxima à espécie indicada. É escrito entre a indicação do género e a indicação da espécie e escrita em letra normal, em minúsculas e com um ponto indicador de abreviatura.
    cf. (abreviatura de conferatum) – Significa que a espécie deve ser a indicada, mas que é preciso conferir, confirmar.
    É escrito entre a indicação do género e a indicação da espécie e escrita em letra normal, em minúsculas e com um ponto indicador de abreviatura.

    Espero ter conseguido esclarecer alguma dívida que possa existir.

    Abraço,
    Luís Oliveira

A visualizar 1 artigo (de um total de 1)

Tem de iniciar sessão para responder a este tópico.

0